NOTA: Pátio de Triagem opera normalmente
26/11/2021 - 10:19

(atualização, sexta-feira, 26/11/2021, às 17h20)

Informamos que, nesta sexta-feira (26), por volta das 15h, a entrada do Pátio de Triagem da Portos do Paraná, ocupado por manifestantes na noite de quinta-feira (25), foi liberada.

A operação no local, incluindo a atividade de classificação, foi normalizada por volta das 16h40.

 

(atualização, sexta-feira, 26/11/2021, às 14h)

Informamos que, nesta sexta-feira (26), por volta das 13h, a Justiça deferiu a liminar no processo de interdito proibitório e determinou a desocupação imediata do Pátio de Triagem da Portos do Paraná, ocupado por manifestantes na noite de quinta-feira (25). A pena pelo não cumprimento da decisão é de multa diária.

A empresa pública segue monitorando a situação.

Gerência de Comunicação e Marketing

 

(sexta-feira, 26/11/2021, às 11h15)

A Portos do Paraná informa que, por orientação da Polícia Rodoviária Federal (PRF) para que o trânsito nas pistas da BR277 fosse liberado, todos os caminhões que desceram a serra já cadastrados no sistema carga online da empresa pública para dar entrada no Pátio de Triagem do Porto de Paranaguá têm acesso ao local, onde permanecerão estacionados até que possam seguir o fluxo normal até a descarga nos terminais do Corredor Leste de Exportação.

O serviço de classificação obrigatório segue paralisado em decorrência da manifestação. Apenas uma cancela está liberada para a entrada dos caminhões. A equipe do Pátio de Triagem segue trabalhando desde a madrugada para tentar reduzir os impactos do fechamento do pátio.

Junto com a PRF, a Guarda Portuária segue monitorando o movimento no local. Nesta sexta-feira (26), por volta das 11h15, das 900 vagas existentes no pátio, 375 estavam ocupadas pelos caminhões. De acordo com a Diretoria de Operações, o local consegue absorver todos os veículos já cadastrados para hoje (26).

A manifestação teve início na última quinta-feira (25), por volta das 22h. A Portos do Paraná informa que já ingressou com ação de interdito proibitório - com pedido liminar na Vara da Fazenda Pública de Paranaguá -  para restabelecer e garantir a operação portuária, assim como a livre circulação de caminhões no pátio de triagem.

Gerência de Comunicação e Marketing

 

Nota - Pátio de Triagem (enviada às 9h30, 26/11/2021):

A Portos do Paraná informa que o pátio de triagem teve a entrada e a saída de veículos bloqueada por manifestantes por volta das 22h da última quinta-feira (25), o que provocou filas de caminhões no entorno que estão sendo acompanhadas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF).

No início da manhã desta sexta-feira (26), das 900 vagas existentes no pátio, 249 estavam ocupadas pelos caminhões, sendo que 77 deles ainda não haviam passado pela classificação obrigatório de grãos antes de se dirigirem aos terminais portuários.

A Portos do Paraná informa ainda que vai ingressar com ação de interdito proibitório com pedido liminar na Vara da Fazenda Pública de Paranaguá a fim de restabelecer e garantir a operação portuária e a livre circulação de caminhões no pátio de triagem.


Gerência de Comunicação e Marketing