Notícias

10/03/2017

Appa promove seminário para debater o uso das correias transportadoras

A Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa) promoveu, no último dia 10 de março, o seminário com o tema “Correias Transportadoras, uma nova visão”. O objetivo do evento foi debater e esclarecer a demanda e como funciona o processo de instalação das correias transportadoras de grãos e farelo para exportação no Porto de Paranaguá.

“As correias transportadoras são utilizadas no transporte de grãos de diversos processos produtivos, pelo fato de que possibilitam um fluxo contínuo de materiais e constituem uma opção de transporte com menor impacto ambiental”, afirmou o diretor-presidente da Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina, Luiz Henrique Dividino.

As correias transportadoras são utilizadas no transporte de materiais em geral devido às a vantagens como economia e segurança de operação.

A promotora da 2a Promotoria de Paranaguá, Juliana Weber, disse que para o Ministério Público (MP) a discussão é muito importante, pois auxilia na busca de uma metodologia para abordar o tema.
“A instalação das correias transportadoras é uma realidade em Paranaguá e elas estão sendo ampliadas. Por este motivo, precisamos avaliar a necessidade de uma legislação municipal que oriente a instalação destas correias na cidade”, disse a promotora Juliane Weber.

Além disso, Juliana Weber disse que debater o tema também contribui para orientar as informações que deverão ser analisadas pelo MP e incluídas nos Estudos de Impacto de Vizinhança, assim como as contrapartidas dos empreendedores.

“Estamos debatendo este tema com a administração publica, a sociedade, o porto e as empresas para achar a melhor solução. O MP não é contra a tecnologia e o desenvolvimento, mas temos que conciliar o desenvolvimento com o meio ambiente e a sociedade”, finalizou a promotora.


Tecnologia – O engenheiro mecânico, Paulo Augusto Lambert, falou sobre as tecnologias alternativas para exportar um volume grande de grãos.
“Todos os equipamentos existem no mercado têm um cuidado para evitar a dispersão de materiais particulados no meio ambiente e os que estão instalados em Paranaguá já contam com esta tecnologia”, disse Paulo.

Também ministraram palestras no Seminário o coordenador do Curso superior de gestão portuária da Fatec, em São Paulo, Júlio Cesar Raymundo e os professores Alexandre Machado e Renato Marcio dos Santos.

O Seminário foi uma realização da Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina, em parceria com o Ministério Público. Empresários e operadores portuários de Paranaguá estiveram presentes no evento.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.